Como escolher a melhor cera para carro? Confira 3 dicas ideais!

4 minutos para ler

Nada é melhor do que deixar o veículo brilhando como novo depois de uma boa lavagem, não é mesmo? O grande segredo para conseguir esse resultado e ainda manter a pintura protegida é utilizar uma boa cera para carro. Porém, diante de tantos tipos de cera no mercado, é fácil ter dúvidas sobre qual é a ideal para cada situação.

Se esse é também o seu caso, continue lendo este post. Veremos qual é a importância de encerar o veículo regularmente e como escolher o produto certo na hora de comprar. Confira!

Por que utilizar cera para carro

É inegável que o uso da cera deixa qualquer carro muito mais bonito, com aspecto de novo e bem cuidado. Mas os seus benefícios não se limitam ao visual, já que esse produto também atua na conservação da sua parte externa.

Ao ser utilizada, a cera cria uma camada de proteção para a pintura contra arranhões superficiais, desbotamento pelos raios solares e partículas sólidas que costumam grudar na lataria, como poeira e dejetos de aves. Tudo isso evita que o verniz se desgaste, deixando a pintura opaca e sem brilho.

Como escolher a cera ideal

Veja como garantir todo esse brilho e proteção que a cera pode oferecer.

1. Conheça as diferenças entre os tipos de cera

Ideal para cuidados rotineiros, a cera líquida ajuda a repor o verniz que protege a pintura e pode remover riscos superficiais. Ela é de fácil aplicação e pode ser removida com o auxílio de um pano de microfibra, já que conta com menos solventes em sua composição.

Agora, se a sua intenção é tratar e proteger contra riscos mais profundos, a melhor opção é a cera em pasta. Ela tem uma característica mais abrasiva e uma quantidade maior de solventes, o que exige um uso de ferramentas específicas para a sua aplicação, como politrizes. O processo aqui é mais complexo e trabalhoso, já que uma distribuição irregular desse produto pode ocasionar marcas na lataria.

A cera spray é a mais prática de ser utilizada, mas protege apenas a pintura contra manchas e riscos.

Por fim, há as ceras de lava rápido — que são, na verdade, aditivos misturados aos produtos de limpeza. Eles conferem um brilho maior ao veículo, mas devem ser aplicados com cuidado, para não manchá-lo.

2. Considere suas necessidades particulares

Conhecendo as características de cada tipo de cera, você deve considerá-las antes de decidir qual utilizar.

Avalie quais partes do veículo serão enceradas, bem como a cor da sua pintura e os materiais que você terá à disposição para lhe auxiliar. Sem esse cuidado, você pode acabar adquirindo um produto que não oferecerá o resultado esperado.

Se a sua opção for pela cera em pasta, tenha em mente que o uso deve ser moderado. Isso porque ela pode ser prejudicial para a pintura a médio e longo prazo, devido à sua abrasividade.

3. Sempre utilize produtos de boa qualidade

Na hora de comprar, prefira as ceras de melhor qualidade, produzidas por empresas reconhecidas no mercado. Produtos de qualidade inferior podem não garantir a proteção necessária para a pintura do veículo, além de deixarem manchas em algumas situações.

O ideal é que você utilize os produtos certos desde o momento da lavagem, como esponjas e detergentes específicos. Finalizando com a cera para carro correta, você conseguirá aquele aspecto de carro novo e conservado por muito mais tempo.

Conhecendo essas importantes dicas, falta apenas descobrir o melhor lugar para comprar cera para carro, não é mesmo? Então, acesse agora mesmo a nossa loja virtual e confira nossas opções em ceras, materiais para aplicação e tudo para cuidar bem do seu carro.

E aí, gostou das nossas dicas? Ajude os seus amigos a acertar na escolha também compartilhando este post nas redes sociais!

Você também pode gostar

Deixe um comentário